Angústia


A dor da angústia é um grito surdo no peito, vontade dizer algo que a gente não sabe, mas algo que simplesmente dói, mas uma dor sentida na alma, é a dor do emocional. Pois então que dor é essa? É a dor do dia a dia, nas quais temos coisas à resolver e muitas vezes não conseguimos ou algo que alguém nos faz e fere ou o próprio desdem. Dor do infortúnio que encomoda e nos faz sofrer. Pode ser também compreendida como a dor que senti-mos quando somos rejeitados ou desrespeitados por alguém.

Define-se como a dor do ser mortal, é a nossa dor, é uma dor que todos sentem, porém devemos saber lidar com essa dor, o importante é saber sobrepujá-la. Mas é fácil? É difícil? É controverso? Surge as indagações, porém o que devemos fazer é simplesmente viver de maneira próspera, fascinante. Quando falo fascinante, refiro-me a ser tolerante, em saber ser digno, ser uma pessoa que tenha respeito aos outros, religiosidade e principalmente aprender ser uma pessoa gentil e que ajude ao seu próximo.

Nada é mais digno que ajudar o seu semelhante, e nada é mais justo que viver com dignidade, com serventia e bondade. Isso não é ser “JESUS”, mesmo que ESTE seja o maior exemplo do mundo, mas sim como mortais e seres que erram, devemos como “receita” para vencer a angústia, simplesmente amar o próximo, saber mediar os conflitos e corrigir os erros. Aprenda a ajudar alguém, automaticamente você também estará aprendendo a se ajudar.

http://guiajoias.com